A energia necessária para a actividade geológica interna da Terra provém :

Radioactividade - A desintegração atómica de elementos radioactivos que constituem as rochas liberta grandes quantidades de energia.

 

Do efeito das marés -  este efeito origina ciclos alternados de contracções e dilatações com consequente libertação de energia.

 

Bombardeamento primitivo - durante a fase de acreção a Terra acumulou energia no seu interior que tem vindo a libertar gradualmente.


Contracção gravitacional - Durante a formação da Terra os materiais metálicos foram atraídos em direcção ao centro o que implicou um aumento da pressão e consequente aumento de temperatura - a energia gravítica é transformada em energia térmica.